jump to navigation

Chivalry Medieval Warfare: mudando meu conceito sobre multiplayer 25/01/2013

Posted by Rafael Raposa in Uncategorized.
Tags: , ,
add a comment

photo-full

Eu tenho uma visão bem crítica sobre jogos multiplayer: em geral são vazios, sem sentido e sem inovação nenhuma, simples shooters genéricos. Não nego que o que me tenha atraído a curiosidade o simples fato de o jogo estar bombando e a Steam Sale ter jogado o jogo lá embaixo, mas minha curiosidade foi bem recompensada.

Vários modos de jogo envolvendo vários objetivos diferentes. Coop é um forte do jogo.

Vários modos de jogo envolvendo vários objetivos diferentes. Coop é um forte do jogo.

Chivalry é um jogo em primeira pessoa de combate medieval com um ÓTIMO nível de realismo. Sim, primeira pessoa e combate medieval no mesmo caldeirão. Se a primeira coisa que veio à sua cabeça é The Elders Scrolls eu já digo: É 1000 VEZES MELHOR, NÃO DA NEM PRA COMPARAR.

Cenários belos e relevos diversos para se adaptar.

Cenários belos e relevos diversos para se adaptar.

Visualmente o jogo é não muito rico: temos cenários simples, personagens derivando da cultura francesa/inglesa ou nórdica com variadas armas visualmente interessantes (acho que umas 30 ao menos). Contudo, a qualidade da ambientação é ABSURDA: é tão realista quanto Witcher 2 conquanto aos cenários e isso é COISA PRA CARAMBA.

Um golpe bem localizado na cabeça mata seu inimigo na hora e pode decapta-lo.

Um golpe bem localizado na cabeça mata seu inimigo na hora e pode decapita-lo.

A mecânica do jogo, e é algo difícil não falar dado que estamos falando de um multiplayer, é simples e direta: cada arma tem 3 movimentos, você carrega até 3 armas (uma principal, uma sidearm e um suporte) e você tem que ou cumprir objetivos ou sair matando o time inimigo/geral, simples e direto, sem frescura. Mas o jogo tem uma certa complexidade que torna o desafio um tanto mais interessante: friendly- fire é o padrão e o golpe mais simples (o do mouse) ele pega em arco na sua frente, pega TUDO na sua frente. Isso é um problema, e um ótimo problema, principalmente pelos combates serem corpo-a-corpo e, como os golpes pegam em área, você pode matar um aliado facilmente.

Há uma grande gama de classes com armas e vantagens/desvantagens diferentes.

Há uma grande gama de classes com armas e vantagens/desvantagens diferentes.

Mas, como disse anteriormente, existem 3 golpes: um corte lateral, que é o principal, uma estocada e um ataque adicional, que é ou uma estocada diferente (para lanças) ou um golpe de cima para baixo. Isso cria uma grande complexidade de estratégias de luta a serem tomadas, você é levado a pesar quem está a sua volta e como você vai atacar o inimigo. Outro fator interessante é que o bloqueio você não pode spamar ou segurar: é uma ação que dura 1 segundo e tem que ser realizada exatamente no memento em que o gole te acertaria E sua mira tem que estar na lâmina da arma do inimigo (ou ponto de contato), porque se não não bloqueará.

Todas classes tem seus pontos fortes, podendo matar todas as outras de acordo com a habilidade de cada um.

Todas classes tem seus pontos fortes, podendo matar todas as outras de acordo com a habilidade de cada um.

Sim, é um jogo bem impiedoso com novatos, mas extremamente divertido!

NOTA: 8/10

Este multiplayer, sinceramente, me mudou a visão da coisa: penso seriamente em comprar o Natural Selection II agora porque, se um jogo como esse de uma produtora indie me deu TANTA diversão, imaginem um jogo dum estúdio mais consolidado como o de NS? Recomendo muito este jogo, altíssima qualidade e MUITAS horas de diversão, um verdadeiro must-have pra quem curte coisas medievais.